sexta-feira, 21 de agosto de 2009

.....


Só mais um dia comum
Dias assim vem e vão
Já deixei tanta coisa, pra trás
Não podemos nos enganar
Nós não somos mais crianças
Temos que crescer

O que posso dizer?
As coisas são assim
A vida nos leva onde temos que ir
Não dá pra fugir

Difícil é perceber
Bem-vindo ao mundo real
Onde o tempo é incontrolável, incontrolável!

Muita gente me diz
Que não sou o mesmo mas, nada parece igual
Pior que mentir
É mentir pra si mesmo
É como não ter, pra onde ir

É como tem que ser, só na hora certa
Vamos entender
As coisas são assim, o tempo pode ser
Incontrolável

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

happiness

Felicidade é qualidade ou estado de feliz; ventura, contentamento.
Feliz é o ser ditoso, afortunado, venturoso. Contente, alegre, satisfeito. Que denota, ou em que há alegria, satisfação, contentamento.
A conquista da felicidade vem no aprendizado diário de viver sabendo aceitar e expressar os desejos e sentimentos, construindo os próprios projetos de vida e empenhando-se para realizá-los.
Um sentimento que expressa de alguma forma, satisfação em ter uma necessidade saciada, um projeto realizado.
Compreender essa sensação, é saber individualizar no universo pessoal, pois o que é motivo de felicidade para uns, pode ser de infelicidade para outros. É um sentimento que pode diferenciar em cada instante tendo significados diferentes.
Depende de cada um, sabendo que só conta consigo mesmo para realizar seus desejos, vontades e projetos. A procura do auto conhecimento ajuda na transformação de desejos em vontade e da vontade em projeto de vida. Aprendendo a ser responsável pelas próprias escolhas, assumindo o sofrimento dos erros e fracassos e o gosto das conquistas e vitórias.
A teoria do psicodrama mostra que desenvolvendo respostas criativas e corajosas no sentido de expressar os seus sentimentos e de realizar a sua vontade própria, ajuda na busca dessa sensação. Construindo-se enquanto indivíduo, realizando e sentindo a felicidade.
Alguns aprenderam a não ter vontade própria. Só sabem realizar a vontade dos outros, projetos pelos outros, não têm suas próprias respostas, mostram-se carentes e inseguros. Só conseguem agir quando tem garantia, segurança e estabilidade do resultado.
Os acomodados, conformam-se com o porto seguro, na falsa certeza de não arriscar, porque a busca do desconhecido, é sempre arriscada e menos estática. E assim, vivem uma felicidade aparente, deixando de buscar e conhecer a sensação da felicidade pela vitória. São derrotados por si mesmo, deixando de assumir novos papeis, conformam-se com a monotonia.
Por não suportar a frustração pela derrota, por um objetivo não alcançado, por um sonho não realizado..., não compete, não tem objetivos, não sonha. Tem ainda aquele que inicia sua meta sendo um faxineiro, mas decide conquistar a presidência. E se consegue alcançar, na sua busca, a vice-presidência, já é motivo de frustração e infelicidade, por não ter chegado ao ponto mais alto.
Os invejosos destroem, menosprezam a vitória do outro, porque assim, deixam de olhar para si, e ver que para eles faltou a coragem e a força do outro.
A maneira de ser de muitos, é pura representação.
É muito bom que as pessoas saibam quem são, reconheçam sua vocação, sua capacidade, e não queiram vestir uma máscara, quando, na verdade, a vontade é de jogar tudo para o alto e tentar outra forma de vida.
Se o indivíduo conseguir identificar sua vocação e habilidade, buscar suas realizações com essa base conhecerá a sensação de ser feliz. Pessoas felizes chamam atenção, são admiradas, tem um brilho diferente.
Mas, isso não significa que enquanto é aplaudido, admirado e chama atenção, é feliz. Pode estar ai, a defesa contra uma auto avaliação. Contentar e agradar aos outros, não é o mesmo que agradar e contentar a si mesmo. A vocação e habilidade são individuais. Assim como a sensação de felicidade também é individual.
A felicidade plena e absoluta não existe. Também não existe receita, manual que possa dar garantia plena de viver 100% feliz.
A busca é por mais momentos e sensação de felicidade.
Descobrindo suas necessidades, suas metas, como e quando alcançá-las, saber reconhecer limite, respeitando e se fazendo respeitar, sabendo diferenciar você do outro, é um começo. E nessa busca, cabe a você criar a sua receita e escrever o seu manual, do que é a SUA sensação de felicidade.

terça-feira, 18 de agosto de 2009

O Preço da verdade.....


Para provar que eu sou merecedor de teu amor, devo sentir todas as dores sem amenizar ou me enganar com nada, assim descobrirei se sou capaz de lhe dar todo amor que mereces....

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Mr Gyn - Minha Razão



A cada escolha uma razão
Toda consequência muda a direção
E qualquer destino até de nos dois........

Dreams


Por que te encontrei, por que você está aqui. Por que tem que ser assim?
Por que me faz sentir isso...
Queria ter o poder odiar-te mais não consigo, queria te apagar, e quanto mais eu tento parece que se espalha dentro de mim tomando conta me fazendo teu escravo. Quando olha pra mim me domina, quando fala me controla, quando me despreza me sinto incompleto......
Nunca vi em toda existência, um olhar tão lindo, puro e verdadeiro.....quando meus olhos se encontram nos seus, compreendo todo teu ser. Meu coração sempre avisa, sopra e conta todos os teus segredos....Mais nesse momento estou de olhos fechados e, é onde me encontro com você. Quando estou diante de ti meu coração bate mais forte, fala mais baixo, meu corpo treme e num simples olhar teu me desobedece, fazendo com que eu sinta coisas que nem mesmo entendo..... descontrola de tanta vontade de você.....E quando estou diante de teus lábios pronto pra provar e conhecer teus segredos eu acordo e descubro, foi apenas um sonho.....
E o mais importante eu já descobri, você habita dentro de mim....

.........


Ah se eu pudesse voltar
E novamente escrever
A minha história no ar
Pudesse me refazer

Não posso desanimar
Há muito que aprender
Não que eu só queira ganhar
Mas já cansei de perder

Penso em você, em teu olhar
Penso em fugir, em te levar
Sonho pra nunca acordar

Eu nunca fui de acreditar
Mas me perdi ao te encontrar
Amor que veio pra ficar

Vou confessar, que era eu
Aquele azul sem fim, que você mergulhou
Me disfarcei de mar
Pra ganhar seu amor

Laerte-se

Há muito já havia visto a divulgação do documentário da Laerte. Num primeiro instante não me chamou muito atenção por compreender o conte...